Cristo nos liberta do pecado

libertar-poder-pecado-1
PALAVRA
“Sabendo isto, que o nosso homem velho foi com ele crucificado, para que o corpo do pecado seja desfeito, para que não sirvamos mais ao pecado.”  (Romanos 6 : 6).

PENSAMENTO
Infelizmente durante nossa vida cometemos muitos pecados. O ser humano tenta amenizá-lo, comparando-o com um pecado maior, que outra pessoa tenha cometido, mas pecado é pecado, independente do seu tamanho, seja o falar mal do próximo ou tirar a sua vida, para Deus não existe tamanho de pecado, simplesmente existe o pecado.
Cometemos erros diariamente e podemos dizer que algumas vezes sem a intenção de errar, isso porque estamos sujeitos a errar, mas se estamos sujeitos a errar o que é esperado de nós?
Amados, é impossível não pecarmos de alguma forma, em algum momento, e por isso não é esperado que sejamos perfeitos, pois somente  Jesus Cristo é! O esperado é que venhamos a aceitar a Cristo, nos arrepender de nossos pecados e viver uma nova vida agradável a Deus.
Mas você pode se perguntar: Se estamos sujeitos a pecar, qual será a diferença após eu aceitar a Cristo e me arrepender dos pecados, como poderei agradar a Deus com minha vida?
Estamos sujeitos a pecar, errar e sem Cristo somos escravos do pecado, mas quando aceitamos a Cristo em nossas vidas, somos transformados em uma nova criatura, passamos a ser morada do Espírito Santo, libertos do domínio do pecado, com isso o índice de pecado será outro em nossas vidas, pois ocorrerá tragicamente e não normalmente e haverá arrependimento.
Jesus morreu para nos resgatar, enviou o Espírito Santo para nos Selar e nos ajudar nessa  jornada, Nele nos tornamos novas criaturas!

Ouça o Pensamento de hoje:

  1. 22-11-2017_Cristo nos liberta do pecado 3:02

Você também pode se interessar em ler...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>